sábado, 2 de junho de 2012

Não há nada como...

... apontar tudo o que se come e (tentar) atribuir calorias a cada alimento para se encontrarem as ovelhas negras.

2 comentários:

  1. Alo alo!
    Eu não consigo dar-me a esse trabalho :P
    Depois conta-me das tuas ovelhas negras :)

    Beijinhoos

    ResponderEliminar